quarta-feira, 20 de maio de 2015

Moradores de Miranda-MS se mobilizam para conservar Pintura da Igreja Matriz histórica

Recebemos reclamações de moradores da cidade de Miranda e de mirandenses não mais domiciliados lá, pedindo que nós do I Love MS e do MS Por Favor ajudássemos, divulgando o abaixo-assinado para não deixar que a igreja seja reformada de forma irregular.

Leem com atenção!

Miranda é a cidade mais antiga de Mato Grosso do Sul, fundada em 16 de julho de 1.778. No mesmo ano foram fundadas as cidades de Ladário e Corumbá, respectivamente em 2 e 21 de setembro, às margens do Rio Paraguai.

Miranda apresenta edificações centenárias, entre estes está a Matriz de Nossa Senhora do Carmo, patrimônio histórico de Miranda, situada em frente à Praça Agenor Carrilho, e ladeada por prédios onde funcionam a Casa Paroquial (antiga residência das freiras) e escola Funlec, se não me engano, e mais ao lado prédio antigo onde esta a sede atual da prefeitura.

Estes prédios formam o conjunto “ARQUITETÔNICO RELIGIOSO DE MIRANDA DO ANO DE 1931”.

Segundo informações da Iphan, o prédio da igreja Matriz de Nossa Senhora do Carmo não foi tombado, mesmo assim faz parte de um conjunto de obras arquitetônicas que relata a história de fundação do município.

Prédio da igreja matriz Nossa Senhora do Carmo. Foto: Aparecido Rojo
Prédio da igreja matriz Nossa Senhora do Carmo. Foto: Aparecido Rojo


O prédio foi construído em pedra sabão, material que não estaria disponível para receber pintura, apenas lavagem com material específico que dificulta a descaracterização da construção original.

Pedimos para que todos os Sul-Mato-Grossenses se mobilizem e assinem essa petição que é muito simples e que a igreja com mais de duzentos anos (200 anos) seja tombada e reformada para ser conservada de acordo com a construção original.



Segue relato de pessoas inconformadas com o que está sendo feito com a Igreja, depoimentos retirados em um grupo de Miranda:

A Igreja foi construída em 1931 e tem sua característica barroca, com cimento e pedra sabão, um patrimônio histórico cultural. O pároco está cometendo um crime de lesa municipalidade, pois está permitindo a descaracterização da fachada e o empobrecimento da beleza do prédio e do conjunto arquitetônico que junto com a prefeitura e a casa dos padres, formam o belo centro da cidade de Miranda.” (Sérgio Maidana)

Essa Igreja é uma referência de construção arquitetônica não só no município como no MS. Vamos somar força e fazer sim a reforma sem perder a essência da obra o sei grande valor arquitetônico. Grato.” (Heitor Galdino)

Postar um comentário